Miomas uterinos e infertilidade

 

Miomas uterinos e infertilidade seus impactos sobre a fertilidade

Hoje iremos ver nesse vídeo miomas uterinos e seus impactos sobre a fertilidade.

Meu nome é Armindo Dias Teixeira.

Bom, miomas uterinos são tumores benignos que ocorrem na musculatura do útero, são os tumores mais frequentes na mulher. Eles podem ter várias localizações e dependendo de cada localização, vai interferir mais ou menos na fertilidade. Os miomas são classificados em miomas intramurais.

 

O que são miomas uterinos intramurais?

São aqueles miomas que ocorrem dentro da musculatura uterina.

Miomas Subserosos

Os miomas são chamados subserosos quando ele se projeta para fora do útero,

Miomas Submucosos

Tem os miomas submucosos, que são aqueles que se projetam para dentro da cavidade endometrial. Dependendo de cada localização nós também teremos os sintomas relativos a cada tipo de mioma.

Por exemplo, os miomas submucosos, aqueles que ocorrem dentro da cavidade uterina, são os que mais têm chances de desenvolver sintomas como:

 

Quais os sintomas?

Então, quais são os sintomas das mulheres com miomas uterinos?

Primeiramente tem muitas mulheres que têm miomas e são completamente assintomáticas. Dependendo da localização, esses miomas podem provocar um sangramento abundante no período menstrual. Dependendo da localização pode ter um sangramento intermenstrual, as pacientes podem ter dor também devido à presença de miomas e dependendo do volume desses miomas, elas podem ter sintomas em outros órgãos por exemplo:

A paciente tinha miomas volumosos na parte anterior, pode ter uma compreensão da bexiga e essa paciente ter uma queixa urinaria ter um aumento da sua frequência urinária. Existem pacientes que tem miomas muito volumosos na parte posterior com compressão do intestino que podem ter sintomas intestinais.

Então os miomas dependem muito de sua localização, para causar sintomas.

No que se refere à infertilidade o item miomas é um item que gera muita discussão então, por exemplo, os miomas submucosos, esse não tem grandes discussões, eles ocupam a cavidade uterina, bem na área onde existe a implantação embrionária.

Então os miomas localizados dentro da cavidade uterina, que são os submucosos, são aqueles que mais interferem na fertilidade. Tanto no que se refere à diminuição da implantação, como o aumento nas taxas de abortamento e como sintoma o aumento do fluxo menstrual.

Mioma e infertilidade

Os miomas intramurais e o subserosos, para darem problema de infertilidade vão depender muito do tamanho. Tudo que se refere à infertilidade nós temos que pensar na cavidade uterina. Miomas intramurais ou subserosos muito grandes, que alteram a morfologia, a forma da cavidade uterina são passíveis de tratamento.

Mas o tratamento de miomas como outras patologias, nós não conseguimos uniformizar o tratamento como sendo uma questão única, nós temos que individualizar cada caso, prestar muita atenção na localização desses miomas. Pacientes com miomas subserosos que são aqueles mais externos, que eu falei anteriormente, que não interferiam tanto na infertilidade.

Dependendo da sua localização se estiverem perto da trompa e ocluir essa trompa já passam a trazer dificuldade na questão reprodutiva.

Então nós temos que individualizar cada caso fazemos os exames pertinentes para o diagnóstico.

O diagnóstico

O diagnóstico dos miomas é feito através da ultrassonografia. A ressonância magnética nos ajuda muito no que se refere ao diagnóstico quanto ao número de miomas e a sua localização. No caso dos miomas submucosos a estereoscópica diagnóstica vai nos falar realmente quanto se projeta na cavidade, qual o tamanho desse mioma, como temos que abordar-los cirurgicamente e no caso dos miomas submucosos o tratamento é realizado através histeroscopia cirúrgica.

Tratamento

Miomas muito volumosos, que nós temos que abordar pela via abdominal. Nós temos duas vias de acesso:

  • A via laparoscópica onde aquela cirurgia minimamente invasiva, onde se faz a incisão na região umbilical e se introduz uma câmera na parte inferior do abdômen, nós fazemos duas ou três incisões, introduzirmos o equipamento para se fazer a retirada desses miomas através dessa cirurgia laparoscópica.Ou em casos de miomas múltiplos, úteros muito grande podemos recorrer à cirurgia tradicional:
  • A abertura da cavidade abdominal.

Se você gostou do nosso vídeo de um like e inscreva-se no nosso canal para continuar recebendo informações sobre reprodução humana.

Entre em contato

Doutor Armindo Dias Teixeira

Médico ginecologista formado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e especialista em medicina reprodutiva e cirurgia minimamente invasiva.

WhatsApp Entre em contato via Whatsapp