Nidação: o que é?

Para acontecer a gravidez o corpo da mulher passa por várias etapas e, depois que o óvulo é liberado, ocorrem ainda outras fases até a confirmação da gestação. Uma delas é a nidação momento muito importante e que determina que o bebê está a caminho.

Você já ouviu falar sobre a nidação? Sabe o que ela é realmente? Neste artigo explicaremos tudo que você precisa saber sobre ela e esclareceremos algumas dúvidas muito comuns que podem acabar causando confusão para quem deseja ter um filho. Continue lendo!

O que é a nidação?

A fecundação do óvulo pelo espermatozoide não acontece no útero. Esse encontro entre os gametas ocorre nas tubas uterinas, onde o embrião começa a ser formado. Depois que ele já está com cerca de 10 milímetros encontra-se pronto para fixar no útero.

Nesse estágio ele é chamado zigoto e deixa as tubas para se implantar no endométrio, tecido que reveste a parede uterina. Esse fenômeno de fixação do zigoto no endométrio recebe o nome de nidação. A partir dele começa a produção do hormônio HCG (gonadotrofina coriônica humana), ou seja, o hormônio da gravidez, que possibilita confirmar a gestação.

Quando a nidação acontece?

Não existe uma data exata para que a nidação aconteça, porque isso varia muito de acordo com o organismo de cada mulher e quando ocorreu a ovulação ela pode acontecer entre 5 a 12 dias a partir do momento da fecundação, ou seja, do dia da ovulação.

Ginecologistas e obstetras consideram 7 dias para que o zigoto se implante no útero, porém, a fixação completa do embrião ocorre em cerca de 13 dias. Trata-se de fenômeno muito discreto porque ocorre no interior do organismo feminino, mas a nidação pode desencadear alguns sintomas.

Quais são os sintomas da nidação?

O mais comum é que a nidação não apresente sintomas perceptíveis, no entanto, se a mulher estiver muito atenta ao seu próprio corpo e conhecer o seu ciclo menstrual muito bem ela pode conseguir identificar essa implantação do embrião no útero.

Isso porque a nidação apresenta manifestações como desconforto pélvico, cólicas leves e um ligeiro sangramento. Ele acontece porque o embrião precisa penetrar profundamente no endométrio para se fixar, dessa movimentação solta os resíduos uterinos que podem seguir pelo canal vaginal.

Mas é muito importante entender que esse sangramento da nidação é diferente da menstruação. Quando acontece a fixação no útero a coloração do sangue costuma ser mais clara ou em um tom marrom, além disso, o seu volume também é pequeno e termina rapidamente.

Mas é por causa desse sangramento que algumas mulheres, em especial aquelas que já apresentam o fluxo menstrual com menor volume em função do uso de anticoncepcionais, podem acabar não identificando a gravidez por acreditarem que o ciclo continuou normalmente.

É comum a descoberta tardia da gravidez por causa do sangramento da nidação. Mas vale lembrar que na maioria das vezes esse sintoma se manifesta em um momento diferente daquele esperado para a menstruação. Por isso, deve ser analisado para observar as diferenças entre ele e o fluxo menstrual.

Quando procurar um ginecologista?

É interessante que a mulher observe as características do seu corpo e ciclo menstrual para conseguir notar diferenças quando elas acontecerem. Isso em especial para que as que estão tentando engravidar, pois dessa forma podem iniciar o acompanhamento médico o quanto antes.

O ginecologista deve ser consultado quando o fluxo menstrual apresentar alterações e houver a chance de estar grávida, como no caso de não utilizar métodos contraceptivos ou se uma relação sexual foi desprotegida.

É sempre importante lembrar que sangramentos são sintomas de diversos quadros diferentes. Por isso, se ele for diferente da menstruação regular é fundamental procurar a ajuda de um especialista, tendo ou não a suspeita de uma gravidez.

A nidação é um momento muito esperado pelas mulheres que desejam ter filhos, por isso, se você conhecer bem o seu corpo talvez seja possível identificar esse fenômeno e começar os preparativos. Mas lembre-se sempre de consultar um médico para ter certeza da gravidez e eliminar qualquer outra possibilidade.

Entre em contato

Doutor Armindo Dias Teixeira

Médico ginecologista formado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e especialista em medicina reprodutiva e cirurgia minimamente invasiva.

Dr. Armindo
Dias Teixeira


CRM 45547

Rua Afonso Braz, 656 - conj. 21
Vila Nova Conceição - São Paulo - SP
CEP: 04511-001

contato@doutorarmindo.com.br

11 3045-5205
11 3045-2391
11 3848-0014

WhatsApp Entre em contato via Whatsapp